Adeus cera e giletes: Bruna Linzmeyer sempre gera, através de suas fotos, um debate importante a respeito do direito de escolha da mulher

“Não ter mais que lidar com aquela dor insuportável, nem com o preço da depilação, nem com o tempo gasto nisso, nem com aqueles chatíssimos pelos encravados”, Bruna desabafou em post

Manequim Publicado quinta 14 outubro, 2021

“Não ter mais que lidar com aquela dor insuportável, nem com o preço da depilação, nem com o tempo gasto nisso, nem com aqueles chatíssimos pelos encravados”, Bruna desabafou em post
A mulher deve decidir o que fazer ou não com os pêlos do próprio corpo - Reprodução / Instagram / @brunalinzmeyer

Pode parecer algo simples para alguns: Bruna Linzmeyer posta uma foto da própria perna, com uma florzinha entre elas. Mas acreditem, uma simples foto de seu próprio corpo, no seu dia a dia, gera um debate super importante na sociedade, a respeito do direito de escolha da mulher em relação ao seu corpo!

Isso porque Bruna Linzmeyer escolheu para seu próprio corpo não raspar ou aparar mais os seus próprios pêlos - e acreditem, quando uma figura pública faz isso, um assunto como esse ganha maior visibilidade.

+++ Truque de estilo: Juliette usa camiseta retrô curtinha como vestidinho micro e diz que está no ''mood Spice Girl''

+++ 1 peça, 3 looks: Thais Fersoza ensina como usar o mesmo blazer off white em 3 looks com propostas totalmente diferentes

Bruna uma vez compartilhou com seus seguidores que fazia depilação com cera desde novinha, mas por achar que “era o certo e o bolo a ser feito”. E em uma desconstrução, aos poucos, ela foi aceitando cada vez mais os pêlos - primeiramente em outras mulheres, e depois em si mesma -:

“Fiquei com vontade de experimentar ter eles. ver eles em mim. tocar neles enquanto passo creme no corpo. não ter mais que lidar com aquela dor insuportável, nem com o preço da depilação, nem com o tempo gasto nisso, nem com aqueles chatíssimos pelos encravados. e de um jeito que eu não esperava comecei a achar muito bonito pêlos em mim também. aprendi que liberdade e amor é respeitar a escolha das outras pessoas, quando essas escolhas não violentam ninguém. e poder acessar meu coração e responder sem amarras: o que eu quero? o que eu gosto? de que jeito me sinto bem?” 

E percebemos que, em cada foto e relato compartilhado, Bruna recebe apoio de seus seguidores:

“Show!!! Lindíssima. Eu admiro demais as mulheres que não se depilam, que não se curvam à essa imbecilidade que atualmente, infelizmente virou regra. Gente, não tem nada a ver depilação com HIGIENE. Nada!”, escreveu um seguidor. 

Já essa, disse: “Acho que existe muita inveja da liberdade das pessoas que têm coragem de sair do padrão, quem não tem coragem quer puxar pra baixo quem tem . E cada dia mais surgem padrões, padrões, padrões e vamos nos aprisionando a padrões e estamos adoecendo por isso.”

Fora os diversos elogios: “Axilas lindaaaas!”

Último acesso: 20 Oct 2021 - 01:07:25 (1045444).