beleza   / Cuidados com os cabelos

Mais do que um penteado! Conheça o aplicativo que conecta mulheres negras a cabeleireiras trancistas

A plataforma foi desenvolvida por Gabriel Nogueira, de 28 anos, para facilitar a vida de pessoas como sua esposa, Giovanna

MANEQUIM Publicado sexta 19 março, 2021

A plataforma foi desenvolvida por Gabriel Nogueira, de 28 anos, para facilitar a vida de pessoas como sua esposa, Giovanna
Conheça o aplicativo que conecta mulheres negras a trancistas - Foto de Ezekixl Akinnewu no Pexels

A cultura das tranças é algo bem presente quando falando da comunidade das mulheres negras, apesar da simplicidade com que as profissionais responsáveis por este trabalho, que é uma verdadeira obra de arte, ainda atuam no mercado de trabalho.

Gabriel Nogueira, de 28 anos, desenvolvedor de aplicativos, notou que sua esposa, Giovanna, que trabalha como cabeleireira trancista, estava tendo sérias dificuldades de organizar sua agenda e cronograma para atender as clientes.

+ VEJA: Argila preta ameniza olheiras? 6 cuidados práticos e eficazes para tratar e prevenir esse problema

"Comecei a notar que havia uma deficiência no atendimento desse tipo de profissional, que acabava perdendo clientes por não ter uma forma organizada de contato", disse Gabriel em entrevista ao portal Universa, do UOL.

Foi pensando nisso que o desenvolvedor criou o que conhecemos hoje como Real Braids, um aplicativo projetado para facilitar a conexão e encontro entre mulheres negras, principalmente, e trancistas.

+ VEJA: ''De visual novo'', anuncia a atriz Juliana Alves ao aparecer com as madeixas roxas trançadas

Ao baixar o aplicativo, o usuário entrará em contato com a trancista mais próxima de sua região, passando informações como o tipo de trança que quer, comprimento e cor. Caberá à profissional aceitar o agendamento ou não, dependendo das exigências da cliente. Os valores variam de R$ 150 a R$ 400.

"Quando a ideia surgiu, eu estava deitado, pronto para dormir, e pensei: 'Nossa, eu tenho como resolver o problema da Giovanna. Levantei, e comecei a desenhar algumas telas. Em três meses, eu tinha um protótipo funcionando [...] "Às vezes penso: por que grandes empresas desenvolvedoras de aplicativo não criaram algo parecido antes? Vejo o Real Braids não só como um aplicativo, mas como uma ferramenta de representatividade étnica e cultural", contou Gabriel a Universa.

Atualmente, a Real Braids reúne mais de 660 cadastros em sua plataforma. Desejamos sucesso.

Último acesso: 26 Oct 2021 - 14:30:44 (1044026).