lazer   / Mercado Digital está com tudo!

Mulheres contam como o Digital transformou suas carreiras: conheça 3 motivos para buscar oportunidades no mercado também

Conheça três histórias e se inspire para mudar, independente da sua área 

MANEQUIM Publicado terça 7 setembro, 2021

Conheça três histórias e se inspire para mudar, independente da sua área 
Como o mercado digital pode mudar a sua vida? Elas contam! - Freepik

Como inúmeros negócios e empreendedores, a advogada Flávia Maria, 39 anos, viu seu negócio ser fortemente impactado pela pandemia. Os clientes do escritório que ela possui há 17 anos precisaram pausar os serviços, a renda da empresa foi diminuindo e Flávia teve que diminuir custos e a carga horária da equipe para não fechar as portas.  

O trabalho no espaço físico que possuía em São Caetano (SP) foi transferido para o home office devido à necessidade de isolamento social e então, o que era uma chance real de fechamento do negócio, se transformou em uma oportunidade de mudança. “Nós já atendíamos clientes do Mercado Digital e percebi que esses negócios continuaram crescendo mesmo no auge da pandemia, mesmo enquanto as outras empresas enfrentavam dificuldades. Foi então que percebi a oportunidade de suprir uma demanda me especializando neste nicho", conta.  

A mudança deu tão certo que a especialista passou a formar outros advogados que querem atuar neste setor, através do CAD, o Curso Advogando para o Digital. Flávia conta que a maior parte de suas alunas são mulheres e que frequentemente se deparam com a vontade de mudar de carreira ou de nicho, como ela fez, mas que se deparam com o medo. “Acredito que nunca é tarde para você rever sua carreira ou o seu negócio, independente da área, sempre é tempo de saber aproveitar as oportunidades. O mercado digital, para todas as áreas, trouxe essa oportunidade de derrubar barreiras geográficas, então não devemos fazer da nossa idade, condição social, gênero, maternidade ou qualquer outro fator, um impeditivo para mudar de carreira ou alterar o curso dentro da área onde estamos”, enfatiza. 

Superação  

Já a advogada Thais Higa, 39 anos, precisou enfrentar uma transição de carreira em meio a um intenso processo de luto. Entre julho e agosto de 2020, Thais enfrentou a perda de uma gestação e a morte do pai e do avô para o Covid. “Foi um dos piores momentos da minha vida e que ainda estamos em processo de superação, no qual mesmo precisando, você se vê sem forças para tocar a vida”, conta.  

Ela conta depois de anos atuando na área da psicologia, descobriu no Direito uma nova paixão profissional e no nicho do Digital uma forma de reconstruir seu caminho na profissão. “Foi muito importante ter a referência de outras mulheres e da Flávia como principal nome neste setor. Quando começamos em um mercado novo, ter uma mulher para inspirar faz diferença e não só no Direito. Recentemente pedi um carro por aplicativo e foi uma motorista que me atendeu, isso é inspirador, mostra que podemos estar em qualquer lugar, independente de quantas coisas difíceis tivemos que superar”, diz.  

Do outro lado do mundo  

E quando a transição precisa ser de país, para um local totalmente desconhecido? Foi o que aconteceu com a advogada Jaciara Viana Soares, 32 anos. Depois que o marido precisou se mudar para o Catar por conta do trabalho e passarem um ano longe (ele lá e ela em Manaus), Jaciara decidiu pausar a carreira para se mudar. “Apesar de estar certa de que queria viver no país com o meu marido, enfrentei uma grave depressão, não conseguia me levantar da cama. Olhava para o meu diploma, que tinha lutado tanto para conquistar e sofria por não poder atuar na profissão que eu amava. Então eu tinha duas opções: me divorciar e voltar com os meus filhos para o Brasil ou encontrar uma nova forma de me realizar”, conta.  

Jaciara descobriu então a possibilidade de atuar no setor digital e reconstruir a sua carreira. “Percebi que conseguiria ter liberdade geográfica, liberdade de tempo e leveza dentro de uma advocacia engessada, percebi que aquilo era para mim, que desejava atuar mesmo à distância, que queria equilibrar carreira e maternidade”, explica.  

Aliás, este é um fator que a advogada mais enfatiza e quer inspirar outras mulheres. “Passei anos procurando uma posição no mercado, digo de forma geral, não só na advocacia... Hoje me encontrei, e a cada dia venho conquistando meu pequeno espaço. Consigo ser todas as versões que desejo, advogar no digital me permite dar atenção aos meus filhos, mas eu não sou mulher maravilha, sou mãe e advogo no digital. Filhos não podem ser algo que impossibilite uma mulher de ser quem ela quiser e elas não são menos profissionais quando tem filhos, pelo contrário”, comemora.  

 

3 motivos para buscar oportunidades no mercado Digital  

A pedido da Manequim, a especialista Flávia Maria listou três benefícios do mercado digital que você pode aproveitar, independente da sua área: 

Sem barreiras geográficas: o trabalho no modelo digital permite que você venda ou atenda clientes de qualquer lugar do Brasil e até do mundo, e que contrate uma equipe de diversos lugares. Com um computador e acesso à internet, você pode construir uma carreira de onde estiver, sem limites geográficos para o seu crescimento.  

Mais tempo: poder conciliar a sua carreira com a vida pessoal, como a Jaciara, sem perder tanto tempo e qualidade de vida com horas no trânsito ou tendo que renunciar aos seus sonhos é outra grande vantagem do Mercado Digital.  

 Mais oportunidades iguais: muitas pessoas acham que apenas quem está nos grandes centros podem conseguir boas oportunidades de trabalho, ou apenas quem tem muito dinheiro para investir poderá fazer seu negócio crescer. Com o Mercado Digital é possível começar pequeno, aí na sua casa mesmo, e alçando novos voos.  

Último acesso: 20 Sep 2021 - 11:11:16 (1045118).