moda   / Entrevista em Paris

Sabrina Sato desabafa que muitas vezes foi incompreendida por seus looks e declara: "Não me arrependo de nenhum!"

Ela revelou na entrevista sua relação com a moda e disse: “‘Meu papel na terra, de alguma forma, é ensinar as pessoas a quebrarem o preconceito"

Manequim Publicado segunda 4 outubro, 2021

Ela revelou na entrevista sua relação com a moda e disse: “‘Meu papel na terra, de alguma forma, é ensinar as pessoas a quebrarem o preconceito
Sabrina Sato desabafa que muitas vezes foi incompreendida por seus looks e declara: "Não me arrependo de nenhum!" - Divulgação

Sabrina Sato é uma das muitas brasileiras que compareceram à Semana de Moda em Paris e, durante sua estadia ela bateu um papo com a influenciadora Silvia Braz.

A modelo revelou na entrevista sua relação com a moda e disse: “‘Meu papel na terra, de alguma forma, é ensinar as pessoas a quebrarem o preconceito. Não só por textão. Muito mais do que isso, o importante sou eu ser exemplo. Me comunico na forma de vestir”.

Além disso, Sabrina desabafou que muitas vezes foi incompreendida por seus looks. "Várias vezes fui incompreendida pelos looks que coloquei. Mas não me arrependo de nenhum!".

Ao ser questionada por Silvia qual foi o seu visual mais polêmico, ela citou a fantasia de ‘crazy horse’ no tradicional baile da Vogue, em 2015: ‘‘Muita gente falou bem, mas muita gente criticou. O tema era sobre cabarés franceses e eu estava com uma fantasia inspirada no famoso cabaré francês ‘Crazy Horse’. Tinha relação".

+++ Twin set: a tendência dos anos 30 que voltou com tudo no outono de 2021

Ainda, Silvia disse também receber muitas críticas em relação a sua idade. ‘Tem gente que fala que eu não tenho mais idade para usar esses looks. Eu tenho idade para usar o que eu quiser”, disse ela ao comentar sobre as próximas tendências com pele à mostra, e Sabrina completou "Direto comentam no meu Instagram ‘Você é mãe, como você está usando isso? Nossas filhas vão ter orgulho pra caramba da gente. Fazemos tudo isso por elas e porque amamos nosso trabalho".

Sato acabou a entrevista pedindo para que as pessoas deixem de comentar coisas ruins nas redes sociais e incentiva mais amor através das mensagens: "Entrem no Instagram para comentar algo legal, para fazer elogios... isso faz bem pra gente. Quando ajudamos, acabamos nos sentindo bem também."

Último acesso: 24 Oct 2021 - 22:36:33 (1045352).