moda   / Ícone da televisão

Hebe Camargo: roupas originais da apresentadora foram usadas para criar mais de 100 looks da série da TV Globo

A produção 'Hebe' estreia na TV Globo no dia 30 de julho e vai ao ar às quintas-feiras, após 'Fina Estampa'

Manequim Publicado quarta 8 julho, 2020

A produção 'Hebe' estreia na TV Globo no dia 30 de julho e vai ao ar às quintas-feiras, após 'Fina Estampa'
Série que conta a vida de Hebe Camargo, da TV Globo, conta com roupas e acessórios originais da apresentadora - Globo/Fabio Rocha

A trajetória de Hebe Camargo chegará às telinhas da TV Globo no dia 30 de julho e promete encantar os telespectadores com uma série repleta de momentos emocionantes e importantes da vida da apresentadora.

Em 'Hebe', o público será transportado para a época em que o ícone fez sucesso e toda a produção teve um cuidado especial com as cores, os ambientes, as roupas e os acessórios para que essa 'viagem no tempo' fosse possível.

“Precisávamos remeter o público a determinadas décadas de forma que ele entendesse as épocas em que tudo aconteceu. Fizemos, então, uma tirinha de como era a percepção das cores ao longo dessas décadas para criar uma paleta e um filtro específicos para cada uma delas”, explicou a diretora de arte Luciane Nicolino.

Além da paleta de cores e dos filtros criados, as casas em que a apresentadora viveu desde que sua família se mudou para São Paulo ajudaram a ilustrar as diferentes épocas retratadas em ‘Hebe’. Elas apareceram durante toda a série e foram filmadas em variadas locações. Dentre elas, a casa real para a qual a artista se mudou com o marido Lélio Ravagnani (Marco Ricca) e onde faleceu, até hoje mantida por seu sobrinho Claudio Pessutti, no bairro do Morumbi, em São Paulo.

E mais! A equipe contou com um acervo especial: os itens pessoais de Hebe

“Ela tem um acervo espetacular da vida inteira – todos os prêmios que ganhou, desde a época do rádio, fotos, álbuns, os presentes... Claudio Pessutti, muito generosamente, nos cedeu móveis, roupas, sapatos e vários outros objetos”, revelou a diretora.

O figurinista Antonio Medeiros e sua equipe tiveram acesso a todas as roupas, sapatos, bolsas e acessórios reais de Hebe, guardadas até hoje em sua casa do Morumbi. Tudo usado para compor mais de 100 looks desde a década de 1980 até o final da vida da apresentadora.

“A grande maioria das peças serviu perfeitamente ao corpo da Andrea Beltrão. Foram raríssimas as vezes em que eu tive que fazer algum ajuste. E como para a fase de 2000 a 2012, em que a Hebe está mais velha, queríamos deixar a Andrea menos moldada e menos escultural, optamos por deixar as roupas exatamente como elas caíam”, afirma Antonio.

Para as outras fases, o figurinista teve que ter uma conduta um pouco diferente: “Os anos 40 formam a fase mais pobre dela, ainda muito garota. Estudamos o que era comum no interior de São Paulo e brincamos com algumas peças. Para os anos 60 e 70, foram usadas muitas peças de brechó e também muita roupa contemporânea levada para épocas anteriores”.

ALGUMAS JOIAS FORAM RÉPLICAS DOS MODELOS ORIGINAIS

Apesar do grande acervo, algumas joias que aparecem na série, que eram a marca registrada da apresentadora, são réplicas dos modelos originais.

“É claro que é impossível ter os tamanhos e as proporções exatas porque é tudo muito grande. O coração de esmeralda que ela usava deve ter uns seis centímetros de diâmetro, todo cravejado de diamantes. Hoje, parece absurdo imaginar uma pessoa usando uma esmeralda assim. Mas a Hebe se dava esses presentes e isso era algo muito particular dela”, reflete Antonio.

‘Hebe’ estreia na TV Globo no dia 30 de julho e vai ao ar às quintas-feiras, após ‘Fina Estampa’. Original Globoplay, desenvolvida pelos Estúdios Globo, a série é criada e escrita por Carolina Kotscho, tem direção artística de Maurício Farias e direção de Maria Clara Abreu.

 

Último acesso: 08 Dec 2021 - 08:41:30 (1042974).