moda   / NOIVA 2021

Noiva de atitude: vestido midi de Carol Celico em segunda cerimônia foi produzido a partir de um tule rendado

O vestido selecionado foi uma criação da estilista Paula Raia, que assinou também o vestido da primeira cerimônia, com styling do Yan Accioli

Manequim Publicado segunda 27 setembro, 2021

O vestido selecionado foi uma criação da estilista Paula Raia, que assinou também o vestido da primeira cerimônia, com styling do Yan Accioli
Ca Celico aposta em look cheio de atitude para segunda cerimônia de casamento - Créditos: Torin Zanette

Ca Celico e Eduardo Scarpa deram sequência às festas de casamento e realizaram neste sábado, 25, a segunda parte da cerimônia, que já contou com consagração religiosa, casamento civil e almoço para familiares e padrinhos em 9 de setembro.

O que mais uma vez deu o que falar foi o vestido de noiva escolhido pela empresária. 

Para o look, o vestido selecionado foi uma criação da estilista Paula Raia, que assinou também o vestido da primeira cerimônia, com styling do Yan Accioli. Seguindo o estilo romântico e feminino da Ca, o vestido é com comprimento midi, com gola alta, e foi produzido a partir de um tule rendado. “Eu queria um vestido elegante, mas que permitisse eu aproveitar a festa. A Paula conseguiu criar este modelo que iluminou em harmonia o meu rosto!”, explica a noiva. Para complementar o look, a beleza foi feita pelo Henrique Martins, que criou uma maquiagem leve e natural.

Relembre o primeiro vestido: Noiva diferente: Carol Célico casa com saia midi e camisa de renda com peplum, formando um vestido leve e cheio de personalidade

Repare nos detalhes minuciosos da produção:

ca celico faz segunda cerimônia de casamento
Créditos: Torin Zanette

“Nós queríamos realizar dois encontros para celebrar o nosso casamento: um religioso e civil mais íntimo, só com pais, irmãos e padrinhos, e um outro um pouco maior, mas também mantendo só pessoas mais próximas e que são importantes para mim e para o Eduardo. O primeiro foi realizado no dia 09 de setembro, data que celebra o dia que criei a Fundação Amor Horizontal, e, para este segundo, selecionamos o dia 25 por ser o sábado mais próximo do aniversário do meu pai, que seria no dia 28. Ele adorava como eu recebia e como festejava e, por isso, decidimos fazer o casamento homenageando-o. Selecionamos tudo que ele mais amava: as comidas, os vinhos, a maneira que ele gostava de comemorar e reunir as pessoas que amava. Foi um dia muito especial e ele esteve presente em cada detalhe do casamento”, conta Ca Célico.

BOA AÇÃO

Para a lista de presente, os noivos substituíram o tradicional formato e pediram os presentes em forma de doação para a Fundação Amor Horizontal, em que a Carol é fundadora e presidente voluntária, e que apoia mais de 42 mil crianças no Brasil com material de educação e saúde.

Último acesso: 26 Nov 2021 - 22:53:12 (1045281).